Notícias

Notícias

Secretário permanece à frente do Bolsa Família

publicado: 11/03/2019 12h32, última modificação: 06/11/2019 10h25
Tiago Falcão foi responsável pela pasta nos últimos anos, quando o Bolsa Família passou a ter fila de espera zerada

Brasília – O economista Tiago Falcão, de 45 anos, permanece como secretário Nacional de Renda de Cidadania. A área, ligada à Secretaria Especial do Desenvolvimento Social do Ministério da Cidadania, é responsável pela transferência de renda a 14 milhões de famílias em situação de pobreza e extrema pobreza por meio do Programa Bolsa Família.

Um dos principais desafios da secretaria é manter zerada a fila de espera do Bolsa Família – o que aconteceu, pela primeira vez na história do programa, durante a gestão de Falcão.  Além disso, o secretário pretende dar continuidade ao processo de comparação com outras bases de dados do governo a fim de que o benefício chegue, realmente, a quem mais precisa. “O Bolsa Família já é um programa bem focalizado, mas sempre há possibilidades para aprimorar ainda mais. Isso é necessário para manter a fila zerada”, explica.

Aperfeiçoar as condicionalidades de educação e saúde e fazer com que o Bolsa Família se aproxime de outras ações do Ministério da Cidadania também são objetivos de Falcão. “Não é só identificar uma criança que descumpriu um compromisso e tirá-la do programa, mas entender os motivos e trabalhar junto para evitar esse tipo de fenômeno.”

Sobre a integração das pastas do Desenvolvimento Social, da Cultura e do Esporte, o secretário ressaltou que o Bolsa Família será um ponto de partida para que outras políticas públicas cheguem à população de baixa renda. “Devemos trabalhar de uma maneira integrada para transformar a vida dessas famílias. O Criança Feliz já mostra que isso é possível, porque conseguiu chegar a mais de 500 mil crianças e gestantes atendidas”, destaca.

Confira o perfil de Tiago Falcão.

Currículo – Tiago Falcão é mestre em Desenvolvimento Econômico pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e especialista em Políticas Públicas e Gestão Governamental pela Escola Nacional de Administração Pública (Enap). Ex-secretário extraordinário para Superação da Extrema Pobreza do MDS, Falcão já esteve à frente da Senarc entre 2011 e 2012. Antes, ocupou o cargo de secretário de Gestão do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão. Tem passagens ainda pelos ministérios do Trabalho e Emprego, da Previdência Social, e pela Presidência da República, onde atuou na Casa Civil e na extinta Secretaria-Geral.

Informações sobre os programas do Ministério da Cidadania:
0800 707 2003

Informações para a imprensa:
Ascom/Ministério da Cidadania
(61) 2030-1505
www.mds.gov.br/area-de-imprensa