Notícias

Notícias

Encontro debate importância de investimentos nos primeiros anos de vida

publicado: 20/11/2018 16h47, última modificação: 04/11/2019 15h05
Secretária Ely Harasawa apresentou as ações do Criança Feliz na abertura da 11ª Semana de Valorização da Primeira Infância e Cultura da Paz, em Brasília

Brasília – Debater as ações para a proteção da criança e a atenção à primeira infância. Esse é o objetivo da 11ª Semana de Valorização da Primeira Infância e Cultura da Paz, promovida pelo Senado Federal. Durante a abertura do evento, realizada nesta terça-feira (20), em Brasília (DF), a secretária nacional de Promoção ao Desenvolvimento Humano do Ministério do Desenvolvimento Social (MDS), Ely Harasawa, destacou as ações do Criança Feliz. O programa está em mais de 2,6 mil municípios, atendendo 420 mil crianças e gestantes que recebem o Bolsa Família e o Benefício de Prestação Continuada (BPC). 

Na ocasião, a secretária afirmou que o melhor investimento que um país pode fazer para seus cidadãos é na primeira infância, construindo assim uma cultura de paz. “É investindo no desenvolvimento infantil que temos uma chance de quebrar a situação de desigualdade social, dando oportunidade para que os futuros cidadãos saiam da pobreza e possam ter autonomia e maiores chances de vencer na vida”, avaliou Ely.

São as evidências científicas que dão base ao Criança Feliz. Pesquisas mostram o impacto do estímulo nos primeiros anos da criança para melhorar condições de vida, como o aprendizado na escola e o desenvolvimento neuropsicomotor e cognitivo, além de diminuir a propensão à violência na fase adulta.

A presidente da Comissão de Educação, Cultura e Esporte, senadora Lúcia Vânia, ressaltou que é preciso utilizar os estudos científicos como ponto de partida para impulsionar a inovação em políticas e programas direcionados ao desenvolvimento infantil. “O principal desafio diante de nós parlamentares e pesquisadores é transformar todos esses conhecimentos em novas maneiras de pensar a primeira infância, com toda a sua imensa diversidade”, propôs ela.

Saiba Mais
O Criança Feliz integra ações nas áreas de Saúde, Assistência Social, Educação, Justiça, Cultura e direitos humanos. O programa coordenado pelo MDS promove visitas semanais, quando os visitadores orientam as famílias sobre como estimular e desenvolver integralmente as crianças por meio de atividades como conversas e brincadeiras. O programa atende crianças de até 3 anos beneficiárias do Bolsa Família, e de até 6 anos que recebem o Benefício de Prestação Continuada (BPC).

* Por Pamela Santos

Informações sobre os programas do MDS:
0800 707 2003

Informações para a imprensa:
Ascom/MDS
(61) 2030-1505
www.mds.gov.br/area-de-imprensa