Notícias

CNAS

Representante do Ministério da Cidadania é eleito para a vice-presidência do Conselho Nacional de Assistência Social

publicado: 30/04/2020 09h52, última modificação: 30/04/2020 14h42
Diretor do Departamento de Benefícios Assistenciais da SNAS, André Veras pretende aprofundar o diálogo com a sociedade civil

 

Em eleição realizada nesta quarta-feira (29.04), conselheiros, sociedade civil e representantes de entidades do Sistema Único de Assistência Social (SUAS) aprovaram por unanimidade o nome do diretor do Departamento de Benefícios Assistenciais da Secretaria Nacional de Assistência Social (SNAS) do Ministério da Cidadania, André Veras, para a vice-presidência do Conselho Nacional de Assistência Social (CNAS).

 

O CNAS integra a política nacional da assistência social e é responsável por aprimorar e acompanhar a execução dessa política, além de promover o desenvolvimento social da sociedade. Segundo André Veras, é importante para o Governo Federal ter uma representação dentro do conselho para exercer um diálogo mais direto com a sociedade civil: “Podemos buscar o aperfeiçoamento da política de assistência social prevista na lei e também entender melhor as dificuldades apontadas por gestores estaduais, municipais e sociedade”.

 

O vice-presidente destaca que essa posição conquistada faz com que os benefícios socioassistenciais, como o Benefício de Prestação Continuada (BPC), tenham regras e procedimentos mais acessíveis para o conhecimento da população em geral.

 

O Conselho Nacional da Assistência Social é composto por 18 integrantes, representantes dos Governos Federal, Estaduais e Municipais, além de entidades, trabalhadores e usuários da Assistência Social.

 

Assessoria de Comunicação – Ministério da Cidadania